Presidente do CBH-Santo Antônio participa de abertura da Jornada do Meio Ambiente em Itabira

03/06

Evento deu início a campanha de Combate e Prevenção de Incêndios Florestais do município

Membros do Comitê da Bacia Hidrográfica do Rio Santo Antônio (CBH-Santo Antônio), autoridades e produtores rurais participaram nessa quarta-feira (1º/6) da abertura da Jornada do Meio Ambiente e do lançamento da campanha Combate e Prevenção de Incêndios Florestais em Itabira. O evento, realizado na sede do Instituto Estadual de Florestas (IEF) e do Parque Estadual da Mata do Limoeiro, deu início as atividades do Dia Mundial do Meio Ambiente, comemorado no dia 5 de junho.

Combate e Prevenção de Incêndios

A região de Itabira se destaca pelas queimadas irregulares e o grande número de incêndios nas áreas de preservação. De acordo com dados da prefeitura, em 2015 cerca de quatro mil hectares de florestas foram queimados na região. “Nosso objetivo é mostrar a gravidade dos incêndios. Eles trazem perdas humanas e materiais, problemas de saúde e ambientais, por isso é preciso evitá-los”, lembra a diretoria de recurso hídrico, Simone Magalhães.

Preocupado com esse dilema, o encontro teve o objetivo informar, sensibilizar e mobilizar comunidades rurais para a prevenção e o combate de incêndios. Para o atual presidente do Comitê, Felipe Benício Pedro, falta conscientização da população em relação com o meio ambiente. “Temos que mostrar para a população que as queimadas provocam danos graves. Não se pode usar a queimada de maneira aleatória igual vem acontecendo na nossa região. Outro ponto que precisa ser analisado são as queimadas para plantio. Precisa da autorização do Instituto Estadual de Florestas (IEF) e fazer com muito cuidado e proteção”, lembra Felipe.

A campanha contra as queimadas vai durar três meses e passará pela zona rural e urbana do município. “Queremos passar pelas escolas para levar essas informações e alertar sobre os danos decorrentes das queimadas, como evitar e a quem recorrer caso aconteça um incêndio próximo,” conclui Simone.

Preservação do Meio Ambiente

O Comitê da Bacia Hidrográfica do Rio Santo Antônio (CBH-Santo Antônio) investe em programas que ajudam na melhoria da qualidade e quantidade de água. Para o presidente, evitar as queimadas é também uma forma de preservar as nascentes e, assim, ajudar na recuperação da bacia. “O Parque do Limoeiro também faz parte da nossa bacia. Ele possui extensa área preservada e com inúmeras nascentes, que juntas desaguam no Rio Santo Antônio, ajudando, assim, na recuperação da bacia”, lembra Felipe.

 “O comitê vai sempre apoiar causas de preservação do meio ambiente. A causa florestal é uma delas, visto que a maioria das nascentes está nessas áreas e temos que protegê-las e recuperá-las”, concluí o presidente.

© 2016 CBH-Doce - Todos os direitos reservados

Rua Afonso Pena, 2.590 | Centro | Governador Valadares | Email: cbhbaciadoriodoce@gmail.com