CBH-Caratinga visita cidades da bacia para comemorar Dia do Rio

29/11

O Comitê da Bacia Hidrográfica do Rio Caratinga (CBH-Caratinga) celebrou o Dia do Rio, comemorado em 24 de novembro, com extensa programação, nas três porções da bacia. As atividades foram iniciadas em Santa Bárbara do Leste, no alto da bacia, onde foi realizada uma visita técnica a uma propriedade contemplada pelo Programa de Recomposição de APPs e Nascentes. À tarde, representantes do CBH participaram de palestras em uma escola municipal de Engenheiro Caldas e, à noite, em Caratinga, as comemorações foram finalizadas com uma palestra com o ambientalista Henrique Lobo, sobre a situação hídrica na bacia e no mundo.

Recuperando nascentes

Em parceria com o Instituto Estadual de Florestas (IEF), o CBH-Caratinga trabalha para a recuperação de 24 nascentes e plantio de mudas nativas e frutíferas, em 14 propriedades localizadas no Córrego do Peão de Cima e Peão de Baixo, totalizando 145 hectares recuperados e um total de R$ 250 mil investidos. O proprietário rural, José Augusto da Silva, foi um dos contemplados pelo Programa de Recuperação de Nascentes e se diz satisfeito com o resultado das intervenções ambientais. “Ainda não tivemos problemas em função da escassez, mas me preocupo muito com as nascentes porque sei que uma propriedade sem água, não tem valor”, ressaltou. A prefeita de Santa Bárbara do Leste, Wilma Pereira, que também esteve presente no encontro, parabenizou os responsáveis pelo projeto e os produtores rurais que abraçaram a causa. “Nós sabemos as consequências que enfrentamos em função da estiagem nos últimos anos e temos plena consciência de que trabalhando em prol da preservação e promovendo mudanças de hábito, poderemos construir um futuro diferente”, disse.

Conscientização nas escolas

Alunos da Escola Municipal Maria da Conceição Ferreira, de Engenheiro Caldas, comemoraram o Dia do Rio com uma programação especial. Com o apoio de docentes da instituição, o presidente do CBH-Caratinga, Ronevon Huebra, falou sobre a importância da utilização consciente dos recursos hídricos, conservação e preservação dos cursos d’água e explicou sobre as atividades e funções dos comitês de bacia. “Acho essencial envolver as crianças em atividades de educação ambiental, porque elas conseguem absorver as informações e transmiti-las aos seus familiares e a comunidade na qual estão inseridos, de forma natural, como verdadeiras formadoras de opinião”, enfatizou Huebra. Já o prefeito do município, que também é conselheiro do CBH-Caratinga, Juninho Dutra, se disse “satisfeito com a iniciativa e confiante de que, através do envolvimento dos alunos, será possível promover uma mudança de paradigma no cenário ambiental do município”.

Panorama hídrico

Para encerrar o dia de atividades do CBH-Caratinga em comemoração ao Dia do Rio, o ambientalista e estudioso das águas, Henrique Lobo, falou sobre a análise histórica de grandes cursos d’água da América do Norte, África, Europa, Ásia e Oceania e levantou o debate sobre questões ligadas à água. A palestra foi realizada no Casarão das Artes, em Caratinga, e reuniu estudantes e especialistas. Baseado no impacto das atividades antrópicas em rios de relevância mundial, como Nilo e Eufrates, Lobo chamou a atenção para a importância de traçarmos estratégias a fim de evitar que nossos mananciais venham a secar. “Estamos entrando em um período de menor incidência solar, que durará cerca de 100 anos. Com isso, a incidência de chuvas vai diminuir de 10% a 20%, o que fará com que seja necessário repensarmos a utilização da água e solo”, ressaltou. Henrique também lembrou que, apesar de o território brasileiro conter cerca de 25% da água doce do planeta, o recurso está concentrado em regiões com baixo índice populacional, fazendo com que as regiões centro-sul do Brasil já registrem graves problemas ligados à disponibilidade hídrica.

© 2016 CBH-Doce - Todos os direitos reservados

Rua Afonso Pena, 2.590 | Centro | Governador Valadares | Telefone: (33) 3212-4350